segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Série de fotos impressionante retrata tribo brasileira considerada a mais ameaçada do mundo



Enquanto muitas tribos indígenas foram completamente dizimadas com a chegada dos europeus ao Brasil, algumas delas ainda permanecem com quase nenhum contato com o mundo exterior. Os Awá fazem parte deste seleto grupo de sobreviventes, mas não se sabe por quanto tempo: a tribo natural do Maranhão foi considerada como a mais ameaçada do mundo pela Survival International, uma organização que luta pelos direitos das tribos indígenas.

Dezenas de milhares de Awá se espalhavam pelo Brasil há 500 anos – hoje, restam apenas cerca de 300 membros da tribo, dos quais 60 nunca tiveram contato com o mundo exterior. Eles vivem em completa harmonia com a natureza e suas mulheres chegam a amamentar macacos e esquilos órfãos, que passam ser considerados hanima ou membros da família.


Os Awá são nômades e exímios caçadores. Mas, embora sejam parte importante da alimentação da tribo, os animais que foram amamentados por suas mulheres nunca são comidos, mesmo após retornarem para a natureza. Eles também possuem diferentes bichinhos de estimação, que muitas vezes os ajudam a buscar frutos mais altos ou quebrar sementes.

Apesar disso e mesmo tendo suas terras demarcadas desde 2003, muitos membros da tribo continuavam sendo mortos por madeireiros ilegais que ocupam a região. Em 2014, uma campanha internacional conseguiu que o governo brasileiro retirasse centenas de madeireiros da região e oferecesse paz novamente aos Awá.

O fotógrafo Domenico Pugliese foi um dos privilegiados que teve oportunidade de contatar diretamente com a tribo. O resultado são essas fotos impressionantes:

















Fotos © Domenico Pugliese

Abaixo mais algumas fotos, estas da autoria da organização que luta para preservar a tribo, a Survival International:








Fotos © Survival


Via Hypeness
Postar um comentário

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta