sábado, 26 de novembro de 2016

Escola proíbe aluno de apresentar trabalho sobre candomblé


Uma diretora de um colégio do Pará, o Centro de Educação Trindade, proibiu que um estudante apresentasse na Feira da Cultura, cujo tema era sobre Lendas Urbanas e Lendas Culturais, a história da entidade Pombagira, da matriz afro religiosa, que representa a mensageira entre o mundo dos orixás e a terra.

ASSISTA

Em um vídeo gravado pelos próprios estudantes, é possível ouvir o momento em que a diretora, Ana Trindade, declara “Eu tenho que dizer pra vocês: aqui dentro da minha escola vai funcionar, vai se realizar e vai se apresentar o que eu achar que é de Deus. Nada de Pombagira aqui dentro”.

O aluno, chamado João Marcus de Souza, ainda tenta argumentar: “Mas a Pombagira Cigana é uma lenda cultural. A senhora respeite!”.

Em uma reportagem do G1, o aluno disse: “Ela agiu de forma preconceituosa, falando que não aceitava ‘macumba’ na escola dela. Eu achei o ato totalmente desrespeitoso e tomei a frente da situação chamando meus colegas de classe para irmos até ela, dialogar sobre o fato. Nesse momento, o vídeo foi feito pela minha amiga. Eu já tinha plena consciência que o que eu tinha acabado de presenciar era crime, porém precisava de provas para que o crime fosse julgado e penalizado”.


Via Catraca Livre
Postar um comentário

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta