terça-feira, 23 de agosto de 2016

Lochte perde 4 patrocinadores após inventar assalto no Rio


Houston - Quatro empresas anunciaram nesta segunda-feira o fim de seus contratos com o nadador americano Ryan Lochte pelo comportamento polêmico do atleta, que inventou um assalto armado sofrido em um posto de gasolina junto com outros três companheiros durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Após admitir que mentiu, o atleta explicou que, na verdade, ele e os outros três atletas da equipe de natação dos Estados Unidos estavam bêbados e provocaram um quebra-quebra no posto de gasolina.

Quando foram cobrados pelos danos e não quiseram pagar, os seguranças os obrigaram a dar dinheiro sob a mira de uma arma.

Lochte soube hoje que três das quatro companhias que o patrocinavam - Speedo, Gentle Hair Removal e Airwave - encerraram os contratos que mantinham com ele. Já a Ralph Lauren disse que não renovaria o vínculo concluído após a disputa do Rio 2016.

"Apesar de desfrutarmos de uma relação de sucesso com Ryan durante mais de uma década e de ter sido um integrante importante da equipe Speedo, não podemos perdoar um comportamento que vai contra os valores que esta marca defende há muito tempo", afirmou a Speedo em comunicado, no qual divulgou que doará uma parte dos US$ 50 mil dos honorários de do nadador à ONG Save The Children.

O atleta de 32 anos emitiu uma nota de resposta na qual disse respeitar a decisão da Speedo e agradeceu as oportunidades que a aliança de anos o rendeu.

Por sua vez, a Ralph Lauren disse que o acordo com Lochte era especificamente para os Jogos Olímpicos do Rio e que a companhia não renovará o vínculo. De acordo com a "ESPN" americana, o nadador conta com uns patrocínios anuais de US$ 1 milhão.

"A Ralph Laurent seguirá patrocinando com orgulho a equipe olímpica e paralímpica dos Estados Unidos e os valores representados pelos atletas. O contrato com Ryan Lochte era especificamente em apoio dos Jogos Olímpicos do Rio e não será renovado", disse a empresa em nota.

Depois chegaram os comunicados da Airwave e da Gentle Hair Removal, que tinham manifestado inicialmente que iriam esperar saber de fato o que ocorreu para se posicionarem sobre o assunto.

Dono de 12 medalhas olímpicas, Lochte provocou grande polêmica ao fingir ter sido assaltado a mão armada durante os Jogos para esconder a confusão que ele e os outros três nadadores causaram em um posto de gasolina do Rio, quando, embriagados, retornavam à Vila Olímpica após uma balada.


Da EFE - Via Exame.com
Postar um comentário

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta