terça-feira, 26 de abril de 2016

Na Índia, metade da população nunca ouviu falar da Apple


São Paulo - A Apple é uma das marcas mais fortes do mundo, aparecendo sempre no topo de qualquer lista das marcas mais valiosas ou influentes.

Mas, na Índia, segundo país mais populoso do mundo, cerca de 55% não têm ideia do que seja a tal "Apple".
O estudo revelador é da Morgan Stanley.

O conhecimento de marca da Apple entre os indianos ficou bem atrás de concorrentes como Samsung, Sony, Microsoft, LG e Lenovo.

A Samsung, entre as marcas do estudo, ficou na melhor posição, com quase 90% de conhecimento.
Oportunidade

Mas a pesquisa revela que há o lado bom da má notícia: um gigantesco mercado em potencial, esperando para ser conquistado.

O CEO Tim Cook já deu indicativos de que a Índia era a próxima grande fronteira para a empresa.

A Apple está negociando com o governo indiano para abrir diversas lojas pelo país.

Até agora, a missão de abrir lojas e fábricas por lá era quase impossível, se revelando mau negócio.

É que uma lei indiana na indústria exigia que 30% das peças e componentes dos produtos (como iPhone e iPad) fossem fabricadas dentro do país.

Agora, a Apple pode conseguir uma exceção, aproveitando uma mudança no texto da lei que revisa tal exigência diante de produtos "de alta tecnologia".
Estratégia

Entre as curiosas ideias da Apple na Índia, está a de um plano de "aluguel" de iPhones para empresas.

O iPhone SE, mais barato, também é uma maneira da empresa de atingir novos mercados, com uma grande classe C.

Outra ideia que tem dado certo é revender iPhones usados e reciclados. Claro, a preços bem mais baixos.
 
 
Via Exame.com
Postar um comentário

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta