segunda-feira, 4 de abril de 2016

Filho de casal homoafetivo, garoto de 14 anos rebate perguntas sobre família no 'Altas Horas'



Aos 14 anos, André Lodi, filho de um casal homoafetivo, pôs em xeque o preconceito em relação às famílias com pais ou mães homossexuais.

Durante uma discussão sobre o tema no Altas Horas deste sábado (2), o garoto rebatou de forma simples e direta os questionamentos de um dos participantes do programa.

"Quando você descobriu que tinha duas mães, foi um choque ou você aceitou numa boa?", perguntou Bruno, um rapaz da plateia.

"Eu não descobri, eu sempre tive duas mães", respondeu Lodi. "Eu não era de outra família e cheguei numa família nova", completou.

Bruno insistiu: "Mas quando você percebeu que tinha duas mães..." Lodi interpelou: "Posso te fazer uma pergunta? O seu núcleo familiar, como é formado?"

"Normal, uma mãe e um pai. Desculpa, pra mim, o normal é ter uma mãe e um pai, mas não que eu tenha algum preconceito", respondeu o rapaz.

Neste momento, a plateia reagiu com ar de surpresa.

Em seguida, Lodi questionou o rapaz: "Ah, então, você está dizendo que a minha família não é normal?"

Pedindo para Bruno repetir sua pergunta inicial, Lodi finalizou a discussão respondendo a questão por meio de uma forte pergunta retórica:

"E quando você percebeu que tinha um pai e uma mãe."

A resposta do garoto foi ovacionada pela plateia. Veja a discussão no vídeo acima.


Postar um comentário

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta