terça-feira, 25 de novembro de 2014

Meu rei, tô indo, que eu não aguento mais Salvador

Salvador: problemas na qualidade de vida
da cidade podem provocar evasão de profissionais
São Paulo - No mês passado, algumas imagens das ruas de Salvador foram parar no Facebook. As cenas urbanas mostravam prédios degradados, lixo pelas calçadas — tinha até cavalo morto na guia — e trânsito intenso em diversos pontos da cidade, da Igreja do Bonfim ao Farol de Itapuã, dois extremos que estão separados por quase 40 quilômetros.

As imagens foram feitas pelo sistema de mapeamento do Google, o Google Street View. O que se seguiu à pulverização das imagens na rede social foi uma avalanche de comentários — muitos negativos e alguns defendendo as riquezas culturais e naturais da cidade.

Saberes africanos

"E enquanto você reza, vá fazendo."

Provérbio africano

Globo divulga nota sobre declarações da mãe de DG sobre Regina Casé; veja

"Dona Maria de Fátima teve e tem todo o apoio da Globo e a solidariedade de Regina Casé e sua equipe", diz um comunicado enviado à imprensa

Redação iBahia

A TV Globo resolveu se posicionar nesta segunda-feira (24) sobre a declaração de dona Maria de Fátima, mãe do dançarino DG, que afirma que Regina Casé é uma "farsa". "A Globo entende a dor de dona Maria de Fátima da Silva, mas as afirmações durante o debate do evento Sernegra não tem fundamento. Dona Maria de Fátima teve e tem todo o apoio da Globo e a solidariedade de Regina Casé e sua equipe", diz um comunicado enviado à imprensa.

Nas redes sociais, a apresentadora tem sido bastante criticada. A página do Facebook de Regina, por exemplo, tem recebido uma série de ofensas desde a tarde de domingo. "Caiu tua mascara, até que enfim alguem usou um microfone para falar a verdade. Isso tudo que a mãe do rapaz (sem julgar o mérito da questão) falou sobre a tua pessoa para mim nunca foi novidade. Tu é a legitima 'esquerda caviar", atacou uma internauta. "Somos nós, o povo pobre, que fazemos seu programa ter uma audiência boa. Decepcionada", afirmou outra.

Lembra dele? Em vídeo, ex-colírio Capricho assume ser gay


Federico diz que depois de postar uma foto com o ex-namorado no Instagram passou a receber mais de 100 emails por dia de garotos pedindo conselhos

O ex-blogueiro e ex-colírio da Capricho Federico Devito gravou um vídeo no YouTube em que assume ser gay. Já existiam especulações sobre a sexualidade de Devito e ele diz que resolveu sair do armário para ajudar outros garotos que passam pela mesma experiência. "Meu nome é Federico Devito e eu sou gay. E daí?", começa o vídeo publicado no domingo por Federico. "Não tem nada demais em ser gay."

Menino de 10 anos dá uma aula de cidadania contra o racismo


Por Vicente Carvalho

Gustavo Gomes Silva dos Santos é aluno do CEU Vila Curuçá em São Paulo. A equipe da Rede TVT o conheceu durante as atividades do “Leituraço” de contos africanos e afro brasileiros promovido pela prefeitura de São Paulo. Assista o que ele tem a dizer sobre a importância da ação no combate diário ao racismo!

Via Portal rpa

Racismo aqui, não!

Patrícia Moreira e mais 3 gremistas têm processo de injúria racial suspenso

Marinho Saldanha

Patrícia Moreira, Fernando Ascal, Éder Braga e Rodrigo Rychter, torcedores do Grêmio identificados cometendo atos de injúria racial contra o goleiro Aranha, do Santos, no dia 28 de agosto em duelo da Copa do Brasil, tiveram a processo suspenso nesta segunda-feira (24). O quarteto seria julgado, podendo pegar de um a três anos de detenção ou ainda pagamento de multa. Agora, apenas comparecerão à uma delegacia de polícia em dias e jogos do Grêmio uma hora antes do evento e sairão uma hora depois. 
Em audiência realizada no Foro Central de Porto Alegre nesta segunda, os quatro aceitaram a posição do juiz Marco Aurélio Xavier. Portanto, não precisarão passar por julgamento com possibilidade de cumprirem a pena por injúria racial. 

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Os Tincoãs (1973) Álbum Completo


Segundo LP do grupo Os Tincoãs lançado em 1973 pela Odeon. Neste disco o trio teve como formação Mateus, Dadinho e Heraldo (m.1975). Formado em 1960 com sonoridade inspirada no grupo Trio Irakitan, abandonaram os boleros e afins e deram lugar a adaptações de cantos de candomblé, sambas de roda e cantos sacros católicos. Disco produzido por Adelzon Alves e maestro Lindolfo Gaya, tendo como base apenas quatro instrumentos: violão, atabaque, agogô e cabaça.

Ações por bullying crescem mais de 300% em 4 anos

por Paulo Saldana e Victor Vieira | Estadão Conteúdo

Entre 2010 e 2013, o número de pais que processaram colégios privados por bullying passou de 7 casos para ao menos 220, segundo levantamento feito pelo jornal O Estado de S. Paulo com cinco grandes escritórios de São Paulo. Só neste ano, já foram registradas 174 ações judiciais motivadas por agressões dentro ou fora do universo escolar - 1 a cada 2 dias. As vítimas pedem indenização por danos morais e materiais, que, na média, alcançam R$ 15 mil. A explosão de queixas se deve, segundo especialistas, à maior preocupação das famílias com o tema e também à dificuldade de educadores e pais em identificar situações, principalmente quando desenvolvida na internet. Pelo entendimento predominante dos juízes, as escolas podem ser responsabilizadas por conflitos dentro do colégio em período letivo, o que inclui atividades em ambiente virtual. Pais dos agressores também podem ser punidos até criminalmente. "Cada situação concreta é analisada: se houve negligência, imprudência ou imperícia (da escola)", explica Ana Paula Siqueira Lazzareschi, advogada especialista no assunto. A maioria dos casos que chegou à Justiça, de acordo com ela, começa ou ocorre inteiramente nas redes sociais - envolvendo jovens que se relacionam na escola. "O cyberbullying ainda é de difícil compreensão", avalia. "Mas ainda existe confusão dos pais, que acham que tudo é responsabilidade da escola", pondera.

Fonte: Bahia Notícias

Lançamento do livro "Mulheres Negras"

A trajetória de vida das mulheres negras na sociedade brasileira é o mote principal do livro “Mulheres Negras: Histórias de Resistência, de Coragem, de Superação e Sua Difícil Trajetória de Vida na Sociedade Brasileira”, que relata a história de vida de oito mulheres negras, de origem pobre, que conseguiram ascender socialmente, politicamente ou profissionalmente.

No Resenhando 

A obra é o resultado de um trabalho de pesquisa científica de conclusão do curso de graduação em Serviço Social, dos estudantes e agora profissionais do serviço social, Adeildo Vila Nova e Edjan Alves dos Santos que, por mais de um ano, envolveram-se com essa temática. Com uma pesquisa bibliográfica extensa e mais de dez horas de gravação de entrevistas, o trabalho se apresenta como mais uma fonte de pesquisa para futuros pesquisadores, tendo em vista a escassez de bibliografias que tratam desta temática.

TERREIRO: Um vídeo documentário sobre o Candomblé



Ainda existem muitos preconceitos quando se fala sobre o Candomblé. E para desmistificar alguns, as mães Vilma S. de Oliveira e Tereza M. Castro abriram seus terreiros para mostrar como é feito a verdadeira cultura afro. O vídeo documentário foi produzido em novembro de 2008, como trabalho de conclusão de curso, mas só agora resolvemos publicar, como forma de homenagem e agradecimento a tudo que Vilma S. de Oliveira fez pela religião e pela cidade de Londrina.

Histórias Inspiradoras - Sueli Carneiro


Sueli Carneiro sempre observou a discriminação racial de perto, até que sua indignação perante essa realidade transbordou e ela passou ter contatos com grupo de movimento negro, durante a faculdade. Hoje é Diretora do Geledés - Instituto da Mulher Negra, que combina a perspectiva de ação política com oferta de serviços para a comunidade, promovendo o bem estar e cidadania. Sueli Carneiro faz parte do Comitê Curador do Programa Acolher.

Pensamento do dia


Fotógrafo retrata sexualidade de deficientes físicos na série "Eu também te amo"

A sexualidade costuma estar ligada a corpos perfeitos, definidos e bronzeados. Ela também acontece quando os corpos estão ficando velhos e também quando eles não são completos. Deficientes físicos têm desejos e fantasias, embora muitas vezes sejam tratados como crianças ou como assexuados. Quebrar esse tabu é o objetivo da série fotográfica “Je t’aime moi aussi” (“Eu também te amo”, em português), criada pelo fotógrafo Olivier Fermariello.

Se as campanhas pela real beleza são aplaudidas ao mostrar celulites e quilinhos a mais, vale ressaltar que continuam a negar a existência de deficientes. As imagens que você verá abaixo podem deixar você desconfortável, mas saiba que esse é o sentimento de um tabu sendo quebrado.

Lewis Hamilton é bicampeão da F-1

Do prodígio campeão de 2008 a um experiente bicampeão em 2014. Seis anos se passaram, mas o arrojado Lewis Hamilton enfim conquistou seu segundo título Mundial de Fórmula 1. Numa temporada com domínio da Mercedes, o GP de Abu Dhabi teve muita emoção, quando parecia fadado a um desfecho frio. Problemas nas Mercedes quase custaram a vitória ao inglês, mas ela veio no finzinho. Hamilton, que podia até chegar em segundo lugar, pulou à frente logo na largada, retomou a liderança a dez voltas no fim, ameaçado por Felipe Massa, segundo colocado, e acelerou no limite do que podia para vencer e levantar a taça com sua 11ª vitória no ano.

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta