quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Cidades sustentáveis no radar de investidores sociais


Pensar um cenário ecologicamente correto, socialmente justo e economicamente viável para municípios brasileiros parece ser sonhar com o impossível. Contudo, é do processo de construção do que tem se chamado de “cidades sustentáveis” que se colhem os melhores resultados. O tema tem ganhado força nos últimos anos e já aparece na agenda de investidores sociais brasileiros.

1º Ciclo | Sociedade e espiritualidade: Culto Afro: uma filosofia de diáspora

Facebook deleta perfis de grupos supremacistas brancos nos EUA

Um neonazista foi preso no sábado por jogar seu carro contra um grupo que protestava contra a manifestação dos supremacistas brancos em Charlottesville

Facebook: "Nossos corações estão com as pessoas afetadas pelos trágicos eventos de Charlottesville", indicou um porta-voz (Dado Ruvic/Reuters)

Los Angeles – O Facebook deletou perfis de vários grupos supremacistas brancos e neonazistas da rede social após os episódios de violência registrados durante o fim de semana na cidade de Charlottesville, nos Estados Unidos.

A arte de Wilson Tibério


Wilson Tibério (1923-2005) 

Nasceu no Rio Grande do Sul e viveu durante longo período em Paris. O distanciamento do país, segundo Emanoel Araujo, o teria levado a pintar repetidamente motivos afro-brasileiros. O artista esteve no Senegal, de onde foi expulso por se envolver num movimento revolucionário. Faleceu na França.

Elza Soares e Pitty - Na Pele (Videoclipe Oficial)

Quem é Heather Heyer, a ativista morta em manifestação contra supremacistas brancos nos EUA

Heather Heyer morreu atropelada por um veículo enquanto protestava contra a marcha de supremacistas brancos em Charlottesville, nos EUA

A americana Heather Heyer, de 32 anos, foi a única vítima fatal da violência que tomou conta das tumultuadas manifestações em Charlottesville (Virginia), nos EUA, no fim de semana, que ganharam manchetes do mundo inteiro.

Queila Rosa - Abrasa, Danúbio Azul, Viena, Austria #racismoaquinao


terça-feira, 15 de agosto de 2017

Poluição do ar mata mais que acidentes de trânsito em São Paulo


No Dia de Combate à Poluição, estudo revela que respirar por duas horas no trânsito da capital paulista equivale a fumar um cigarro

São Paulo – No Dia de Combate à Poluição, comemorado nesta segunda-feira (14), o Instituto Saúde e Sustentabilidade divulgou um estudo revelando que os poluentes atmosféricos foram a causa de 31 mortes precoces por dia no estado de São Paulo, em 2015. Com base no Relatório de Qualidade do Ar do mesmo ano elaborado pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), o estudo demonstrou que o total de óbitos causados pela poluição – 11.200, em 2015 – é maior que as mortes causadas por acidentes de trânsito (7.867), câncer de mama (3.620) ou aids (2.922). 

Ayahuasca - Caminho para o interior divino

Facebook apaga links que zombavam de vítima do ataque em Charlottesville


Se você acompanhou os noticiários no sábado (12) deve ter lido ou ouvido sobre o ataque em Charlottesville, nos Estados Unidos, no qual James Alex Fields Jr. utilizou um carro para atropelar diversas pessoas, entre elas Heather Heyer, que infelizmente faleceu. Como em qualquer fatalidade como essa, começaram a surgir diversos links falando sobre o assunto no Facebook, inclusive um artigo do site Daily Stormer que zombava da vítima fatal.

Edileusa - Gerente Administrativa, Brasília, DF #racismoaquinao


Por Carybé


Clara Nunes - Ijexá

Falta de Q.I.? Como 'quem indica' baixo trava ascensão de negros

Marisa Teixeira em reunião; ela entrou no mercado de trabalho graças às conexões de uma tia costureira

Gerente de comunicação de uma agência governamental em Brasília, Marisa Bastos Teixeira costuma participar de reuniões de diretoria da empresa e ser a única executiva negra entre seus pares. Para ela, foi assim desde o início da carreira, nos anos 1990.

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta