quinta-feira, 25 de maio de 2017

Luciana Brito - Produtora de Eventos, Salvador, Bahia #racismoaquinao


Suécia coloca o país inteiro no Airbnb

Com humor e uma pitada de ironia, campanha em vídeo oferece tour por belas paisagens, imitando as pessoas que colocam vídeos de suas casas no Airbnb

(Suécia no Airbnb/Reprodução)

São Paulo – Os suecos são apaixonados por atividades ao ar livre. Não à toa, eles possuem um termo — allemansrätten — que descreve “o direito de todos os homens” de vaguear pela natureza. Esse direito permite a qualquer pessoa atravessar ou pernoitar num terreno privado no campo, desde que não incomode ou cause estragos nessa propriedade. Graças a ele, os suecos desfrutam de muitas oportunidades para a recreação em meio à natureza.

Por Glênio Bianchetti


Ella Fitzgerald - One note Samba

20 empresas aderem à Coalizão Empresarial para Equidade Racial e de Gênero


As empresas que aderiram à Coalizão se comprometeram a garantir inclusão, equidade e ampliar o processo de igualdade racial através de ações afirmativas e marketing

Texto / Divulgação
Imagem / Divulgação

O lançamento da Coalizão Empresarial para Equidade Racial e de Gênero, promovido pelo Instituto Ethos e CEERT (Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades) conseguiu a adesão de 20 empresas, que se comprometeram a promover inclusão, disseminar a cultura da equidade com fornecedores e prestadores de serviço, mas – acima de tudo –se propuseram agir para acelerar o processo de igualdade com ações afirmativas e marketing das boas práticas.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Ana Clara - Turismóloga, Brasília, DF #racismoaquinao


Ativista do Greenpeace é condenado por danificar linhas de Nazca no Peru


Ele terá liberdade condicional, mas terá de pagar cerca US$ 200 mil por ação em 2014.


Justiça peruana condenou a dois anos e 4 meses de prisão, com direito a liberade condicional, e multa de quase US$ 200 mil dólares um ativista do Greenpeace, o austríaco Wolfgang Sadik, como responsável pelos danos aos milenares geoglifos de Nazca durante uma intervenção em 2014.

Makota Valdina - Ilê Omolu e Oxum



Cultne registrou com imagens e edição de Filó Filho em 14 de dezembro de 2013 o evento 'Seminário Nacional Ancestralidade, Memória e Patrimônio Afro-brasileiro" Ilê Omolu Oxum de Mãe Meninazinha da Oxum que contou com debates com diversos convidados e lançamentos de publicações como o .catálogo "Obirin Odara - Fazendo Arte com Axé", o guia de Direitos "Mulheres Guerreiras contra a Violência" do Ilê Omolu Oxum e o livro " "Meu Caminhar, Meu Viver" de Makota Valdina, que foi entrevistada pelo Teólogo e Professor Jayro Pereira para o Acervo Cultne.

Conar suspende campanha do Flamengo

Comercial gerou debate nas redes sociais por suposto tom de agressividade

Em uma das cenas, corações pulsam pelo clube (Crédito: Reprodução)

Criada com o objetivo de exaltar o amor incondicional dos torcedores pelo Flamengo – e, ao mesmo tempo, ajudar a incrementar o número de sócios do programa de torcedor do clube – a campanha da NBS criada para o rubro-negro foi suspensa pelo Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar).

Mil toadas - Demétrius Montenegro


Mariene De Castro - Oxóssi


Eu vi chover, eu vi relampear

Mas mesmo assim o céu estava azul

Samborê, pemba, é folha de jurema
Oxóssi reina de norte a sul
Oxóssi, filho de Iemanjá
Divindade do clã de Ogum

Ativista acusa centro empresarial de racismo após ser tratado como suspeito, em Salvador


O gestor de projetos Márcio de Oliveira Desidério, de 43 anos, registrou queixa de racismo contra a administração do Salvador Trade Center, um centro empresarial na capital da Bahia. Márcio estava, na última sexta-feira, em um café do centro empresarial com o primo, quando foi abordado por dois policiais. Os agentes o revistaram e disseram que tinham sido acionados pela administração do centro porque os dois “estavam em atitude suspeita”. Márcio, que também atua como ativista social, registrou ocorrência na 16ª DP, que fica na Pituba, por injúria e racismo.

AS MAIS ACESSADAS

Da onde estão acessando a Maria Preta